terça-feira, 15 de maio de 2012

Credores do frigorífico Independência aprovam venda de ativos para o JBS




O destino do frigorífico Independência, em recuperação judicial desde maio de 2009, foi definido. Depois de quase quatro horas de encontro (o 15º desde a homologação do pedido de recuperação) e com duas horas de interrupção para pequenas alterações na proposta, a maioria dos credores do frigorífico aprovou a oferta de compra apresentada pelo grupo JBS na tarde desta terça, dia 15.

Na classe II (que abrange os credores com garantia real e se incluem as principais instituições financeiras, como JP Morgan, Unibanco e BicBanco), votaram quatro credores. Houve uma abstenção e 85,66% foram favoráveis à proposta do JBS.

Formada por quirografários, pecuaristas e pequenos fornecedores, na classe III
votaram 147 credores. Do total, 85 presentes, ou 77,26%, aceitaram a oferta.

Anunciado em 23 de abril, o valor da compra dos ativos é de R$ 268 milhões, a ser pago parte em ações (R$ 135 milhões ou R$ 7,91 por ação da companhia) e em dinheiro (R$ 133 milhões).

Os ativos são compostos por quatro unidades frigoríficas (Senador Canedo, em GO, Rolim de Moura, em RO, e Nova Andradina e Campo Grande, ambos em MS), dois curtumes (Nova Andradina, MS, e Colocado D'Oeste, RO), dois centros de distribuição e armazéns (em Cajamar e Santos, ambos em SP), e todas as marcas, com exceção da unidade de Santana de Parnaíba (SP).

Fonte: AGÊNCIA ESTADO

Nenhum comentário:

Postar um comentário