terça-feira, 10 de julho de 2012

Plano Safra 2012/13 tem 18% a mais de recursos para MS





Os recursos do Plano Safra 2012/13 do Banco do Brasil para Mato Grosso do Sul tiveram aumento de 18%, saindo de R$ 2,25 bilhões para R$ 2,66 bilhões. O anúncio foi feito hoje (9) em Campo Grande (MS). O aumento em percentual é superior ao anunciado para todo o País, pois os R$ 18 bilhões de crédito significam acréscimo de 12,5% em relação à safra passada.



“O total liberado em Mato Grosso do Sul para o agronegócio cresceu cerca de 35% na safra 2011/2012. Isso representa um grande salto no Estado e justifica um aumento substancial de recursos a cada ano”, afirma Fábio Euzébio, superintendente do Banco do Brasil no Estado. Para a secretária de Produção e Turismo (Seprotur), o anúncio do plano no início da safra é um ganho para o Estado. “O que acontece é um alinhamento entre as instituições financeiras e o produtor rural, que tem, no início da safra, os recursos que precisa para investir de forma mais efetiva”, diz Tereza Cristina.



Os recursos destinados ao Programa de Agricultura Familiar (Pronaf) são de R$ 139,5 milhões, o que representa um incremento de 20% em relação à safra passada que destinou aos pequenos produtores o montante de R$ 115,9 milhões. Outra medida foi a ampliação do teto de contratação que saiu de R$ 50 mil para R$ 80 mil. A taxa anual de juros caiu 0,5%, calculada entre 1,5% a 4%, sendo que no ano anterior a taxa chegava a 4,5%. As associações e cooperativas que se enquadram no Pronaf também foram beneficiadas com o novo plano. O limite de financiamento, antes de R$ 10 milhões, salta para R$ 30 milhões.
Fonte: Sato Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário