quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Áreas de plantio de soja irão aumentar 15% no MS




O estado do Mato Grosso do Sul irá aumentar em 15% a área de plantio da soja, chegando a 2 milhões de hectares. Segundo o diretor da Aprosoja MS, Lucas Galvan, é um momento de cautela, mas os produtores estão entusiasmados com os bons preços da oleaginosa.

“Temos que aproveitar os bons preços para fazer a lição de casa, saldar nossos passivos, colocar a casa em ordem, e quem sabe na próxima safra, inclusive plantar com maior recurso próprio e depender menos de instituições financeiras, e tendo mais lucratividade no bolso dos produtores”, afirmou Galvan.

O diretor sinaliza que, o Brasil tem um caminho promissor nos próximos anos, é o momento do agronegócio que será a mola propulsora do desenvolvimento brasileiro. Além disso, os produtores do MS são os menos endividados no país.

“O produtor do estado é bem consolidado, estão enraizados na produção, são produtores ousados, mas com muita técnica, com muito planejamento. É um momento de planejamento, de melhorar as rentabilidades, estruturar a produção”, afirmou Galvan.

Além disso, o diretor acredita que o Brasil será o grande celeiro mundial na produção de alimentos, e mesmo com a crise em alguns países, a demanda por alimentos continua crescendo, assim como a por vestimentas, biodiesel, etanol, energia.

“Aqui temos condição de atender essa demanda mundial, acredito que daqui a 40 anos, tenhamos um país estabilizado com produtores valorizados e com boa rentabilidade”, argumentou o diretor.

Já a Aprosoja MS, que foi fundada em 2007, Galvan diz que está passando por um momento de estruturação. “Temos grandes desafios de levar o agronegócio para o meio urbano e esses são os nossos pilares, informação ao nosso produtor e reconhecimento a importância do agronegócio para a sociedade brasileira”, finalizou.
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário:

Postar um comentário