quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Aos poucos o mercado do boi gordo vai retomando a firmeza em São Paulo





As praças paulistas estão entre as mais pressionadas, dentre as 31 pesquisadas pela Scot Consultoria, em função do bom volume de animais a termo, saída de boiadas de cocho e compra nas praças vizinhas.


Porém, o volume de oferta diminuiu no mercado spot nos últimos dias.


Algumas indústrias aumentaram as ofertas de compra, principalmente as de menor porte, para conseguir aumentar suas programações de abate.


Segundo levantamento desta quarta-feira (10/10), as tentativas de compra a R$96,00/@, à vista, ganharam força, embora a referência no estado permaneça estável.


Em Goiânia, apesar de Goiás ser o maior confinador do país, o preço da arroba subiu R$1,00, o que demonstra que a disponibilidade de boiadas diminuiu.


No norte do país a dificuldade de compra aumentou. Em Marabá-PA, a referência teve alta de R$1,00/@ e está em R$97,00/@, a prazo, mas existem negócios pontuais consolidados a R$100,00/@, nas mesmas condições.


No mercado atacadista de carne bovina, as vendas estão lentas e os preços estáveis.



Fonte: scotconsultoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário