sexta-feira, 29 de março de 2013

Abate de bovinos sobe 16% em Mato Grosso do Sul


O abate de bovinos totalizou 334 mil cabeças em fevereiro deste ano em Mato Grosso do Sul, com alta de 16% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram abatidos 287 mil bovinos. É o que mostram as informações da Superintendência Federal de Agricultura do MS (SFA/MS), apresentadas no Informativo Casa Rural, elaborado pela equipe técnica da Federação da Agricultura e Pecuária do MS (Sistema Famasul).
Para a assessora técnica do Sistema Famasul, Adriana Mascarenhas, um dos prováveis motivos deste aumento é a mudança do perfil do produtor, que está aderindo ao Sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (SLPF). “O criador está diversificando sua produção através do SLPF e, dentro deste contexto, é possível que tenha optado por descartar os animais com menor produtividade, passando a produzir o mesmo volume em área menor. Esta ação comprova a profissionalização do setor”, complementa Adriana.
Apesar deste aumento, o volume abatido em fevereiro é 11% menor que as 381 mil cabeças de bovinos abatidas em janeiro deste ano.
Em relação ao mercado externo, números da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) revelam que em fevereiro deste ano, MS ampliou a negociação de carne bovina com outros países, passando de 23 para 26 compradores.
“Este aumento de países na nossa lista de importadores é benéfico, porque diminui a vulnerabilidade de compradores específicos”, assinala a assessora técnica.
A Rússia continua sendo o principal comprador da carne bovina in natura do MS, com 3,163 mil toneladas, respondendo por 33,75% das exportações Estado.
MS exportou 9,3 mil toneladas em fevereiro deste ano, com aumento de 45% frente o mesmo período do ano passado, quando as negociações externam acumularam 6,4 mil toneladas. Atualmente, MS ocupa a quarta posição no ranking nacional de exportadores de carne bovina, com participação de 12,36%, atrás de SP, GO e MT.
O Informativo Casa Rural Bovino de Corte é elaborado pela Unidade Técnica do Sistema Famasul. O objetivo da publicação é fornecer ao produtor rural informações precisas e atualizadas sobre o andamento do mercado pecuário no Mato Grosso do sul.
Fonte: Famasul adaptado e reformulado pelo blogueiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário